quinta-feira, 3 de maio de 2012

Vídeo Sensacional


Clique neste link para ter acesso a um vídeo sensacional sobre nosso sistema de ensino. Agradeço a Sirlei Bernadete Paulo pela recomendação. Percebe-se que há mais gente percebendo a horrorosa situação criada no Brasil.

2 comentários:

  1. Olá, prof. Adonai!!!!

    Eu já lecionei em escolas que, na comparação com essa do vídeo, era menos problemática, mais pacífica e paradisíaca, no entanto, também era uma área de risco para o professor, pois havia os meninos acendedores das tochas olímpicas(cigarros de maconha), os também... valentes guereiros desejosos de arranjarem..."sacos-de-pancadas" ambulantes (advinhas quem?), as meninas ficantes, os pais arrogantes e uma ideia generalizada na comunidade de que, por eles serem da periferia, tinham mais era que agirem mesmo com vandalismo e banditismo até! Foi uma "missão quase impossível" mudar aquelas mentes caóticas!!!! E também, em sintonia com o relato do vídeo hilariante, o pessoal da diretoria dessas escolas, cuidadosas e desejosas em agradar aos comunitários, tem essas exigências de que o educador seja um... "Daniel, na cova dos leões", um diplomata, um Mahatma Gandhi, e/ou uma Madre Tereza de Calcutá, todos em sala de aula ( ou octógono???)!! E aí, é hilário, mas, KKKKKKKKK, temos que mantermos o "Jeitinho brasileiro" para estarmos comentando isso, muito tempo depois!!!!

    Um abraço!!!!!

    ResponderExcluir
  2. É por isso que, embora eu seja licenciado em matemática, não quero lecionar (estou inclusive torcendo para meu estado ñ fazer concurso este ano). Creio que ninguém na escola além de mim vai estar entusiasmado pela matemática. Imagino que minha função deverá ser muito maior do que ensinar matemática. Concordo que os professores também têm uma função social - mas no nível que mostra o vídeo é, na minha opinião, exagero. Usando as palavra de Amanda Gurgel proferidas naquele vídeo que ficou famoso (http://www.youtube.com/watch?v=yFkt0O7lceA), não quero ser o "redentor do país" ou, usando as palavras de Francisco do comentário acima, não quero ser um "Daniel, na cova dos leões, um diplomata, um Mahatma Gandhi, e/ou uma Madre Tereza de Calcutá". É por isso que quero evitar as salas de aula do fundamental e médio.

    Obs: Não descarto a possibilidade de a educação estar como está devido a existência de pessoas que pensam como eu - que querem fugir do problema em vez de enfrentá-lo. Mas não me aflijo com isso pois, segundo entendo, desempenhar o papel de professor do modo como a sociedade precisa hoje é uma questão de dom (que eu não tenho).

    Após este meu comentário inútil (que pode soar como desabafo, desprovido de muito sentido inclusive), só queria mencionar que, sob determinado ponto de vista, o vídeo é mentiroso. Especificamente a última fala: "a educação no Brasil ainda tem jeito". Motivo: a "fessora" sugere que se os educadores agirem como ela as coisas vão funcionar entretanto, pelo que sei, o último que tentou fazer isso (professor da rede estadual de santos) foi acusado de crime e afastado das funções (http://www1.folha.uol.com.br/saber/878052-prova-de-matematica-simula-contabilidade-do-trafico-de-drogas.shtml)

    AAnooniimoo

    ResponderExcluir

Respostas a comentários dirigidos ao Administrador demoram usualmente até três dias.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.