segunda-feira, 15 de dezembro de 2014

No que você se transforma em vinte anos?


Não faz parte da política deste blog veicular notícias de mídias populares. Mas esta é fenomenal demais e aparentemente foi ignorada por mídias brasileiras. 

O professor de ensino médio Bruce Ferrer lecionou inglês durante muitos anos no Canadá. A partir de 1994 ele pediu para seus alunos escreverem cartas para eles mesmos, as quais foram guardadas pelo professor até hoje. A promessa feita pelo docente era de enviar estes documentos de história pessoal aos próprios autores vinte anos depois.

Pois bem, cumprindo sua palavra, este ano o professor Ferrer começou a remeter as primeiras cartas. Ele fez extensa pesquisa para localizar o endereço de cada ex-aluno e enviou esses documentos, por correio convencional, um a um. Há ainda mais cinco caixas de cartas a serem enviadas pelos próximos anos. 

Este é um exemplo fenomenal de memória, extremamente valioso, principalmente nos tempos hoje vividos de consumo imediato de informações e de esquecimento sobre o que aconteceu ontem. 

Esta notícia foi amplamente divulgada no Canadá, com repercussão na Alemanha, Reino Unido e Portugal, entre outros países. 

O impacto de tais cartas é evidentemente marcante. Um dos alunos, por exemplo, pergunta ao seu "futuro eu" se ele casou e se cursou medicina desportiva. Portanto, o contato de uma pessoa com ela mesma após duas décadas é uma rara oportunidade de autoconhecimento. 

Se o leitor clicar aqui, terá também acesso a um pequeno documentário sobre esta extraordinária iniciativa do professor Ferrer. É um exemplo que certamente deve ser seguido.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Respostas a comentários dirigidos ao Administrador demoram usualmente até três dias.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.