terça-feira, 7 de abril de 2015

Matemática - Mundo Invisível


A concepção e manutenção deste blog sempre foi motivada, principalmente, pela necessidade de reconhecer que o sistema educacional brasileiro (e sua estreita relação com produção, aplicação e divulgação de conhecimento) precisa urgentemente melhorar muito. 

Este blog está chegando a meio milhão de visualizações e ultrapassando 4500 comentários, ao longo de 276 postagens e 17 páginas. O que aprendi com esta troca de ideias e experiências com leitores e comentaristas?

As principais lições, até este momento, são as seguintes:

1) Existem pessoas neste país que desejam uma educação melhor.

2) Existem também aqueles que estão satisfeitos com a miséria que têm, incluindo professores e até mesmo pesquisadores. São pessoas que efetivamente demonstram acreditar que estão cumprindo com o seu papel social, apesar de não ser o caso. 

3) Existem iniciativas altamente relevantes para estimular avanços na ciência e na educação. Um exemplo muito marcante é a equipe Polyteck, a qual conta hoje com apoio financeiro da Latino Australia Education, do Instituto Renault e da Comsol, empresa especializada em softwares que simulam sistemas físicos. 

4) Mas existe também uma crise intelectual, no Brasil e no mundo, que está afastando pessoas da prática da leitura. E, sem leitura sistemática e metódica, não há como avançar em termos científicos e educacionais.

Uma das propostas mais recorrentes para a busca de soluções educacionais é o ensino a distância, uma forma de promover um alcance mais democrático do conhecimento. No entanto, por mais que se use recursos eletrônicos para disseminar o conhecimento científico, a forma usual de aprendizado não sinaliza mudanças. E qual é a forma usual de aprendizado? É aquela que compreende quatro etapas (não necessariamente nesta ordem): leitura, reflexão, prática e discussão.

Levando em conta todos esses fatores, decidi promover algumas mudanças neste fórum, o qual tem priorizado, por enquanto, o emprego de linguagem escrita.

Em breve o blog Matemática e Sociedade estenderá sua rede com o acréscimo de outra mídia, além de sua página no Facebook. Ainda este ano as atividades deste fórum incluirão um canal de vídeos educativos produzidos pelo administrador deste site.

O primeiro vídeo está em fase de edição de som e imagem, bem como montagem. Além disso, os roteiros de mais dois vídeos estão sendo escritos. O objetivo principal é a concepção de vídeos educativos sobre matemática e sua interface com outras áreas do saber, incluindo física, engenharias, artes, filosofia, linguística e história. No entanto, ao contrário do que comumente se pratica, esses vídeos não serão formatados com a finalidade de ensinar matemática. Não há como aprender matemática, de fato, a partir de vídeos. Somente leitura, reflexão, prática e discussão viabilizam o aprendizado profundo e crítico.

Os vídeos em produção serão formatados de modo a estimular jovens e crianças a conhecerem matemática.

Tais vídeos serão disponibilizados em um canal apropriado, de livre acesso, e que permita download rápido e gratuito em diferentes formatos, incluindo tela cheia em alta definição. 

Como a produção desses vídeos tem consumido considerável tempo (trabalho pelo menos quatro horas por dia, de domingo a domingo, desde roteiro até pós-produção), durante os próximos meses o blog Matemática e Sociedade sofrerá uma redução na frequência de postagens novas. A partir do momento em que a concepção desses vídeos ficar mais ágil, as atividades neste fórum deverão voltar ao normal. 

Pretendo lançar o novo canal de vídeos educativos, intitulado "Matemática - Mundo Invisível", até agosto deste ano. Enquanto isso não acontece, peço a compreensão dos leitores. Teremos menos postagens novas pelos próximos meses. Mas este novo projeto deve colocar em prática a construção de uma educação melhor em nosso país. 

É importante criticar. Mas muito mais importante é construir. 

9 comentários:

  1. Sou leitor há poucos meses deste blog, mas já reconheço o bem que têm me feitos essas leituras, no sentido de estimular a reflexão sobre educação mas também tenho aprendido, o que é sempre animador. Portanto só tenho elogios a fazer e incentivo para que prossigas com o seu desiderato.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Grato pelo importante apoio, Vinícius. Seja bem-vindo a este fórum.

      Excluir
  2. Sugiro que os vídeos sejam legendados também....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Enfant

      Creio que a melhor solução seja disponibilizar duas versões para cada vídeo: uma legendada e outra não. Posso fazer isso.

      Excluir
    2. Eu não sei como faz, mas o Youtube permite que o internauta tire ou coloque a legenda. Não é preciso fazer duas versões.

      Excluir
    3. Enfant

      YouTube é uma rede extremamente deselegante. Os vídeos não serão disponibilizados lá, mas em outro site. Além disso, as legendas automáticas do YouTube são muito falhas. Prefiro eu mesmo assumir essa tarefa.

      O primeiro vídeo já está quase pronto. Falta apenas a música de abertura. O segundo vídeo está com a primeira metade quase concluída. E o roteiro do terceiro está em fase bastante adiantada.

      O investimento neste canal é considerável. Mas acredito que oferecerá algo realmente novo.

      Excluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Olá, Professor Adonai Santanna!

    Foi um, e está sendo, verdadeiro "achado" me deparar com seu Blog e seus Posts.
    .
    Não tenho qualquer formação acadêmica, mas sei divisar o bonito do feio. Mesmo sabendo ler, não entendo quase que patavina nenhuma do que o senhor escreve sobre Matemática, Física, etc, etc..
    .
    Mas seu Blog é encantador pelo conteúdo; pela beleza gráfica; por imagens deslumbrantes. Eu gosto de admirar pessoas inteligentes.
    .
    A mediocridade é cultivada e cultuada em Banânia.
    .
    Seu Blog é um primor, uma joia rara. Eu a encontrei em seus belos artigos.
    .
    Parabéns, Professor!!!
    .

    Welington Heringer
    .
    PS: Sou também um fã de carteira do Reinaldo Azevedo desde 2002. Tenho aprendido a ler melhor e também a racionar melhor com o mesmo. Nada de 'seguidor'. Mas ele é genial.
    .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Welington

      Agradeço pelo apoio. E seja bem-vindo a este fórum.

      Com relação a trechos que você eventualmente não compreenda (sobre matemática ou física) sinta-se livre para questionar. Se um conhecimento científico não puder ser transposto para aqueles que não são especialistas, provavelmente se trata de um conhecimento não muito relevante.

      E agradeço também pelo comentário sobre as imagens. Sou um amador na concepção de imagens. Mesmo assim gosto de algumas delas.

      Excluir

Respostas a comentários dirigidos ao Administrador demoram usualmente até três dias.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.