sexta-feira, 8 de abril de 2011

A História do Aluno - Em Vídeo


Alunos estão sujeitos às mais variadas pressões. Devem satisfações a professores e família, em termos de rendimento escolar. Paralelamente têm que lidar com o crescente fenômeno do bullying. Também pesam problemas pessoais, os quais variam de conflitos familiares a questões sobre intimidade e sexualidade. E, no meio disso tudo, se aproximam a cada dia mais do fatídico futuro que pode não garantir o apoio financeiro da família (pelo menos para aqueles que ainda podem contar com ele).

O vídeo abaixo conta uma versão resumida da história do aluno. A música é de meu filho, o qual tem batalhado para cavar seu espaço na sociedade.

http://www.youtube.com/watch?v=V02bRVBYb0Q

7 comentários:

  1. Professor,

    O sr saberia dizer qual importancia e a influencia (nacional/internacional) do IMPA? Essa instituição brasileira é o centro de excelencia da matematica no Brasil?

    ResponderExcluir
  2. NOVO OLHAR SOBRE A MATEMÁTICA,
    http://www.ufpa.br/beiradorio/novo/index.php/leia-tambem/124-edicao-93--abril/1189-novo-olhar-sobre-a-matem

    ResponderExcluir
  3. NOVO OLHAR SOBRE A MATEMÁTICA,
    http://www.ufpa.br/beiradorio/novo/index.php/leia-tambem/124-edicao-93--abril/1189-novo-olhar-sobre-a-matematica

    ResponderExcluir
  4. Sobre a primeira postagem, posso dizer pouca coisa por enquanto. Sem dúvida o IMPA é uma referência tanto nacional quanto internacional, no que se refere à pesquisa em matemática. E, no que tange ensino de matemática, também tem contribuído de forma significativa (tanto positiva quanto negativa) para a graduação e o ensino médio. Foi bom ter tocado neste assunto. Espero postar algo sobre isso em breve, para dar detalhes.

    Com relação à postagem do Professor João Batista do Nascimento, devo dizer que venho acompanhando seu trabalho há algum tempo. Se estiver interessado, tenho várias críticas a fazer.

    ResponderExcluir
  5. Prof Adonai,

    Sou ex-aluna do curso de matemática da UFPR (me formei em 1979). Gostaria de saber se o Sr. tem notícias do professor Josef Dortmann.
    Desde já, muito obrigada!
    Cristina

    ResponderExcluir
  6. Professor,

    Ainda aguardo pelos comentarios sobre o IMPA.

    ResponderExcluir
  7. Peço desculpas pela demora para responder, Cristina. O Professor Josef Dortmann faleceu anos atrás. Lamento

    ResponderExcluir

Respostas a comentários dirigidos ao Administrador demoram usualmente até três dias.